portefólio de cursos

Curso de Comunicação Editorial

Objetivo geral:

O curso de Comunicação Editorial pretende explorar este elo da cadeia de valor do livro, dando a conhecer o ambiente em que se desenvolve, bem como munir os formandos das principais ferramentas no relacionamento com os vários públicos: prescritor, intermédio e final. Apresentar-se-ão os instrumentos e metodologias tradicionais, desenvolvendo as habituais ferramentas (como comunicados de imprensa), mas também as mais recentes, numa atitude passiva (de integração no meio) e ativa (de interação e marcação de espaço de comunicação próprio).

Formadores:

Sara Figueiredo Costa

É licenciada em Línguas e Literaturas Modernas – Estudos Portugueses e mestre em Linguística Portuguesa pela Universidade Nova de Lisboa. Jornalista freelancer, colabora com diversas publicações na área da crítica literária e do jornalismo cultural (LERTime Out e Expresso). Mantém, desde 2007, o blogue Cadeirão Voltaire, sobre livros e edição, e desde 2003, o blogue Beco das Imagens, dedicado à banda desenhada e à ilustração. É um dos membros fundadores da Oficina do Cego, onde leciona os módulos teóricos sobre história do livro e edição das formações sobre autoedição.

Margarida Ferra

Nasceu em Lisboa, em 1977. É licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa. Frequentou vários cursos de média duração na área editorial e de desenvolvimento de projetos culturais. Colaborou com o Jornal de Letras, foi assessora de imprensa do Conselho Nacional de Juventude, assistente numa galeria de arte contemporânea, livreira e colaborou com editoras. Foi responsável pela comunicação da Quetzal Editores, uma chancela do Grupo Bertrand Círculo e atualmente coordena a área da comunicação editorial daquele grupo.

Paulo Ferreira

É consultor editorial da Booktailors – Consultores Editoriais, sendo pós-graduado em Edição pela Universidade Católica Portuguesa. Durante mais de cinco anos, desenvolveu uma carreira de publicitário, enquanto gestor de contas. Coleciona a cadeira de Marketing do Livro, no mestrado de Edição da Universidade de Aveiro. Organizou diversos volumes, tendo sido coordenador editorial de revistas periódicas.

Programa:

1. Jornalistas e leitores como duplo público-alvo

1.1. Meios de comunicação social em Portugal. Hábitos, números e tendências dos últimos anos.

1.2. Retrato geral da classe jornalística portuguesa. Caracterização, práticas e métodos de trabalho.

1.3. Funcionamento de uma redação. Como chega a informação sobre livros, como se distribui e como se pode utilizar.

1.4. O que os jornalistas esperam dos responsáveis de comunicação das editoras. Erros flagrantes e boas práticas. Exemplos.

1.5. Seleção dos jornais, revistas, rádios, televisões ou sítios Web jornalísticos para o plano de comunicação da editora de acordo com o tipo de público-alvo pretendido. Exemplos.

1.6. Os vários ângulos de abordagem jornalística sobre livros: crítica, destaques, autores, efemérides, etc. Exemplos.

2. Trabalho prático

Produção de dois planos de comunicação para o lançamento de uma novidade editorial (real ou hipotética). Cada plano dos diferentes formandos será objeto de debate.

3. Relações públicas na área editorial

3.1. Considerações gerais.

3.2. Tipos de evento e objetivos.

3.3. Organização de eventos: planificação, convites, follow-up, custos e questões logísticas, avaliação de resultados.

4. Ambiente digital para lá da blogosfera: redes sociais

4.1. Facebook (página ou perfil, eventos, tipo de conteúdos).

4.2. Twitter.

4.3. Utilização coordenada das redes sociais e blogosfera.

4.4. Estudos de caso.

5. A blogosfera como ferramenta de comunicação editorial

5.1. Conceitos e noções-base.

5.2. Erros mais frequentes das editoras.

5.3. Como ter um blogue de sucesso na área editorial?

5.4. O controlo da informação na blogosfera.

You Might Also Like